Acne e alimentação

Home/Sem categoria/Acne e alimentação

Acne e alimentação

A acne é uma doença de pele que acomete principalmente a fase da adolescência, mas também pode ser encontrada facilmente em indivíduos adultos e com reincidência quando não tratada corretamente. As alterações hormonais são as principais responsáveis pelo aumento das glândulas sebáceas, causadoras da acne. Conheça alguns alimentos que podem contribuir para o aumento da acne e alguns alimentos que podem auxiliar na diminuição da acne.

Uma dieta balanceada está voltada em modular também a função intestinal, pois uma vez alterada essa função o intestino sofre com o acúmulo de toxinas, levando o indivíduo a um estado de hipersensibilidade imunológica crônica, diminuindo a absorção de vitaminas e minerais, aumentando a retenção hídrica e dificultando a drenagem linfática, devido resposta alérgica aumentada.

 

Alimentos que devemos evitar para melhorar a acne:

Açúcar: doces em geral, refrigerantes, sucos industrializados, achocolatados em pó;

Farinha branca: pão branco, bolos, biscoitos, produtos de padaria;

Óleos vegetais refinados, como óleo de soja, milho e girassol;

Evitar gorduras saturadas e hidrogenadas (gordura trans) e embutidos (salsicha, salame, milho);

Os carboidratos de alto índice glicêmico (doces, farinha branca, açúcar refinado…) elevam o hormônio insulina (que regula o açúcar do sangue), contribuindo para a inflamação da pele. Os alimentos causadores de alergias alimentares, tais como leite, trigo, açúcar, chocolate e milho devem ser observados

 

Alimentos que podem contribuir para uma melhora da acne:

Água: Ingira pelo menos 2 litros de água pura ao dia.  A pele pode ser comparada a uma esponja. Quando seca, fica dura, enrugada e contraída. Ao contrário, quando molhada, se expande. A pele precisa de água para expandir-se também. A falta de hidratação aumenta as chances de desenvolver espinhas, acne ou cravos, por isso a água é importante.

Nozes, castanhas e amêndoas não podem faltar, pois são ricas em vitamina E e ácidos graxos essenciais (anti-inflamatórios), que são excelentes para a pele.

Alimentos ricos em vitamina C (frutas cítricas, mamão, goiaba, salsinha, pimentão).

Alimentos ricos em vitamina E (óleos vegetais, castanhas e nozes) cereais integrais e peixes.

Alimentos ricos em fibras como legumes, verduras e frutas. Importantes para a regulação do intestino. 

By | 2018-11-21T16:44:07+00:00 novembro 21st, 2018|Sem categoria|0 Comments

About the Author:

A Nutricionista Aline de Andrade, é graduada pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, mestranda em Ciências da Saúde na UFCSPA e nutricionista do Ambulatório de Nutrição Esportiva UFCSPA.

Leave A Comment

Shares